Comunicado: Conselho Académico

Cara comunidade académica,

Reuniu hoje de manhã nos Serviços Centrais do IPCA o Conselho Académico, na qual a Associação de Estudantes tem o papel de representar todos os alunos em matérias de fixação dos calendários escolares, valor de propinas, criação e extinção de unidades curriculares, ou seja, um órgão de consulta académica do IPCA, que visa assegurar a coesão da instituição através da participação de todas as unidades orgânicas na sua gestão académica.

O valor da propina para o ano letivo de 2015/2016 não sofreu qualquer tipo de alteração mantendo-se assim os 780€ continuando a ser o Instituto com a propina mais baixa do País.

A Associação de Estudantes colocou em discussão por este Órgão o valor da taxa cobrada pelo incumprimento da inscrição na Época de Exames. De momento, e segundo os procedimentos legais, qualquer aluno que entre em incumprimento de um prazo legal, neste caso, a inscrição a um Exame, fica sujeito ao pagamento de uma taxa, que no 1º dia é de 5€, e no 2º e 3º dia de 10€. A Associação de estudantes entende que o valor cobrado no 2º e 3º dia é um valor exagerado face ao nível da economia na atualidade, pelo que irá elaborar uma proposta e entregar ao Presidente do IPCA, para a taxa aplicada nos três dias ser a mesma, o valor de 5€.

Foi aprovado e discutido o calendário escolar e a fixação do número de vagas para admissão dos estudantes para o próximo ano letivo 2015/2016, ouvindo sempre a voz dos Estudantes em Conselho Pedagógico.

Foi aprovado o RIAPA para os novos Cursos Técnicos Superiores Profissionias (TeSP) que a partir de Setembro o IPCA tem novo polo na Cidade de Guimarães, tendo já polo em Braga a funcionar com estes mesmos cursos.

 Imprimir  Email